A expansão das redes sociais no Brasil e no mundo

POR ROSEMAY DE ROSS

As redes sociais estão em contínua expansão no Brasil e no mundo. Atualmente elas constituem uma das estratégias mais utilizadas pela sociedade para o compartilhamento da informação e do conhecimento. Hoje, é comum ouvirmos falar em “posts” (mensagem dentro de um tópico) “tweets” (mensagens enviadas pelo Twitter) e “scraps” (mesma coisa que recado ou bilhetinho). E logo nos perguntamos: Mas o que são as redes sociais e para que servem?
De modo simples podemos dizer que as redes sociais são meios que as pessoas usam para se conectarem através da internet com pessoas de várias partes do mundo, criando grupos que compartilham os mesmos interesses e gostos de forma rápida e prática. Geralmente as redes sociais funcionam com base em perfis de usuário, onde as pessoas mostram seus interesses, gostos, hobbies, escolaridade, profissão, e ainda postam fotos, textos e vídeos.
Em questão de redes sociais, o Brasil é considerado um dos países mais sociáveis do mundo. Segundo pesquisas, cerca de 80% dos internautas brasileiros participam de redes sociais e as classes menos favorecidas utilizam lan houses para se manterem conectadas. As redes sociais mais utilizadas no país são o Facebook, Orkut, Sonico, MySpace, Linkedin, Via6, Twitter, Hi5, e Habbo. Elas são utilizadas de formas diferentes pelas pessoas: alguns usam as redes sociais para fazer novas amizades e marcar encontros, outros para interagir com amigos e localizar parentes, outros ainda, para espionar e saber sobre a vida alheia, e há os que as usam exclusivamente para contatos profissionais.
Muitas escolas usam as redes sociais e até criam sites próprios para conectar alunos e professores. No mundo corporativo grande parte das empresas utiliza as redes sociais como ferramenta de comunicação com clientes. A rede social mais utilizada neste meio é o Twitter, por ser uma ferramenta que demanda menos esforço de atualização. As redes sociais são vistas por muitas empresas como um canal complementar ou um meio de comunicação muito importante, mas não fundamental. Isso acontece porque a utilização destas ferramentas ainda é uma estratégia de testes e as empresas buscam entender como elas podem agregar valor ao seu negócio. Igrejas, artistas, ONGs dentre tantos outros, também estão fazendo uso desta tecnologia, e nos seus sites são divulgadas suas páginas de redes sociais, que visam a divulgação de seus trabalhos.
As redes sociais trouxeram grandes benefícios para a humanidade, mas por outro lado, vemos que a exposição das pessoas nas redes sociais não para de crescer e por isso alguns cuidados são fundamentais ao usá-las:
1. Cuidado ao postar fotos. As fotos podem ser coladas, modificadas e utilizadas por pessoas irresponsáveis, vindo a acarretar prejuízos à sua imagem;
2. Todo cuidado é pouco ao abrir links e mensagens, pois elas podem conter vírus;
3. Evite colocar muitas informações pessoais, sobretudo endereços, números de telefones, conta bancária, local de trabalho, local de estudo, há muitos golpistas que podem utilizar seus dados para tentar roubá-lo ou enganá-lo.
4. Se você participar de grupos, verifique se os tópicos em discussão não ferem a lei e se for necessário denuncie.

No mundo virtual, como no mundo real, é necessário preservar a própria privacidade. A maioria das redes sociais oferece acesso restrito para as publicações. Este é um bom caminho para usá-las com liberdade e sem exposição do que deveria ser privativo.

Rosemary de Ross é formada em Letras e cursou Teologia para Leigos.Reside em Pato Branco – Paraná. Impelida pelo desejo de evangelizar por meio da linguagem escrita, elaborou estes dois livros e por meio de suas mensagens, espera ajudar as pessoas a reencontrarem a paz , a alegria e a esperança.
Livros: “Uma mensagem por dia, o ano todo” (Paulinas Editora) e “Mensagens e orações para diversas situações do dia a dia” (Paulinas Editora).É colaboradora de diversos sites, blogs, jornais e revistas do país.
Site: www.rosemaryross.com.br